• Paulo Eduardo Nogueira

Costa Rica quer banir carbono e combustíveis fósseis


Um dos raros países do planeta sem Forças Armadas, Costa Rica agora pretende se diferenciar em outra área: ser o primeiro totalmente neutro na emissão de carbono, medida essencial para garantir a sustentabilidade futura. O prazo estabelecido é ousado: 2021, logo ali na esquina do tempo. Será possível cumpri-lo? Embora circulem pela Internet notícias de que o país terá “zero carbono” nesse prazo, na verdade sua meta real é alcançar a neutralidade entre as emissões reduzidas, de um lado, e a compensação através das florestas, de outro. Para atingi-la, o governo garante contar com o apoio de aliados estratégicos como empresas, academias, cafeeiros e pecuaristas, além de organizações municipais.


Mas o futuro não para por aí: plano muito mais ousado pretende “descarbonizar” sua economia, eliminando totalmente a utilização de combustíveis fósseis até 2050. Atualmente, 99% de sua energia já provêm de fontes renováveis, o que pode facilitar isso. Seu maior desafio é obter a adesão do setor de transportes, pois a substituição de combustíveis demanda mudança de mentalidade sobre as vantagens da energia renovável. Além disso, o setor é responsável pelo pagamento de 22% de todos os impostos cobrados no país e seu encolhimento pode gerar mais problemas.


Para superar esse desafio, o plano prevê desenvolver um sistema seguro de transporte público com ônibus, táxis e TRP (Trem Rápido de Passageiros) alimentado por energia limpa (sem emissões) e tão eficiente que reduza a vantagem do automóvel particular como meio de transporte. Outra meta é incentivar o uso de automóveis autônomos compartilhados, movidos à energia elétrica facilmente recarregável por todo o país.


O fim da emissão de combustíveis fósseis reduziria os gastos com saúde pública, permitindo que sejam aplicados em outros setores. Segundo o Instituto Meteorológico Nacional, 64% das emissões provêm do uso de energia (sendo 2/3 dele pelo setor de transportes).


Imagem: Greg Montani por Pixabay


#sustentabilidade #cidadessustentaveisinteligentes #smartcity #smartsustainablecities #circularcities #zerocarbono #energialimpa #comunidadedainovação


Paulo Eduardo Nogueira é jornalista formado Master em Jornalismo, autor do livro "Paulo Francis - Polemista Profissional" e editor do blog da Comunidade da Inovação.

Formulário de Inscrição

©2019 por Comunidade da Inovação. Orgulhosamente criado com Wix.com

This site was designed with the
.com
website builder. Create your website today.
Start Now